top of page
Buscar

Descubra como a sexualidade positiva pode mudar a sua vida

Ei! Já ouviu falar de sexualidade positiva? Se ainda não, então vou adiantar que esse assunto está mudando a vida e a saúde das mulheres. Mas afinal, o que é a sexualidade positiva? A Wave Prazer conhece uma história que vai te ajudar a entender. Vem comigo!


homem e mulher deitados sorrindo

O que é sexualidade positiva?


A sexualidade positiva nada mais é que encarar a sexualidade como algo natural e saudável, sem tabus ou julgamentos. Essa ideia tem ganhado muito espaço nos últimos anos, principalmente entre as mulheres que buscam se libertar de padrões opressores e aproveitar sua vida sexual sem culpa. 


A redatora da Wave nos contou que certa vez conheceu uma menina chamada Ana. Ela tinha um trabalho que amava, amigos incríveis e uma vida social agitada. Para falar a verdade, ela parecia ter uma vida perfeita. Mas, com o passar do tempo, ela contou que tinha uma parte da sua vida que não era tão incrível como eu achava: sua saúde sexual. Ou melhor, nas palavras dela, isso era “um completo desastre”. 


Mesmo casada há 3 anos, ela se sentia insegura em relação ao próprio corpo, quase nunca sentia prazer durante o sexo e não fazia ideia de como expressar seus desejos para o parceiro. Até que um dia, ela ouviu falar sobre o conceito de "sexualidade positiva". E isso mudou tudo.


Ana ficou intrigada com o termo e decidiu pesquisar mais a fundo. Ela descobriu que a sexualidade positiva é uma abordagem que valoriza e celebra a sexualidade como uma parte natural e saudável da vida. Em vez de enxergar o sexo como algo sujo ou vergonhoso, a sexualidade positiva encoraja as pessoas a explorar seus corpos e desejos sem culpa ou julgamento.


A Ana percebeu que, como muitas mulheres, ela havia internalizado uma série de mensagens negativas sobre a sexualidade. Ela havia sido ensinada a se envergonhar do próprio corpo e a pensar que o sexo era algo que os homens faziam para obter prazer, enquanto as mulheres apenas cumpriam uma obrigação. Mas a sexualidade positiva a ajudou a desfazer esses pensamentos limitantes.


Com o tempo, ela começou a se sentir mais confortável em sua própria pele. Ela se permitiu explorar sua sexualidade sem medo de julgamento e, aos poucos, percebeu que estava descobrindo novas formas de prazer e intimidade. Ela também aprendeu a se comunicar melhor com seu parceiro, expressando seus desejos e necessidades de forma clara e respeitosa.


A verdade é que muitas mulheres provavelmente não conhecem seu corpo tão bem quanto pensam. Afinal, não fomos ensinadas a desenvolver nosso próprio prazer.


Nessa jornada de desoberta da Ana, ela acumulou ensinamentos e dicas valiosas que eu vou compartilhar com você:


casal homem e mulher conversando

1. Converse com seu parceiro:

A comunicação é fundamental para uma sexualidade saudável. Converse abertamente com seu parceiro sobre suas preferências, desejos e limites.


2. Conheça seu corpo:

Explore seu próprio corpo e descubra o que te dá prazer. Isso pode incluir masturbação e experimentação com diferentes brinquedos sexuais.


3. Desconstrua tabus e preconceitos:

A sexualidade positiva pressupõe a eliminação de tabus e preconceitos. Livre-se de ideias limitantes e abrace sua sexualidade sem medo de julgamentos.


Com a sexualidade positiva, percebi que a Ana descobriu que sua vida sexual não precisava ser um fardo ou uma fonte de ansiedade. Em vez disso, ela se tornou uma fonte de empoderamento e autoconhecimento. Ela se sentia mais confiante e satisfeita consigo mesma e com seu relacionamento a ponto de morrer de prazer durante as relações com o seu marido. Algo inédito.


E por aí, como anda o seu prazer? Será que você está atingindo a capacidade máxima de confiança e satisfação com o seu corpo? Siga as dicas da Ana e viva os momentos cheios de prazer (sozinha ou acompanhada, rs)



*Conteúdo oferecido em parceria com a Wave Prazer.





20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page